Saúde

Projeto propõe que gordura trans seja proibida no Brasil

A gordura trans, usada para dar mais sabor aos alimentos e prolongar a validade de produtos industrializados, é uma das grandes inimigas da saúde. Segundo dados do IBGE, ela é um dos motivos pelos quais a obesidade cresce no país. Infarto, derrame e diabetes também são apenas alguns dos prejuízos que podem ser causados pela gordura.

Em 2006, foi estabelecida uma medida de transparência quando uma lei obrigou os fabricantes a indicar a quantidade desse componente no rótulo dos produtos. Agora, o próximo passo pode ser combatê-lo de vez das prateleiras.

Para isso, já circula na Câmara dos Deputados um projeto de lei que solicita a proibição da gordura trans no Brasil. Caso passe por todos os procedimentos e seja aprovado, ele entrará em vigor no país dentro de três anos. O prazo é para permitir que as empresas tenham tempo suficiente para se adaptarem às mudanças.

Nos Estados Unidos

A legislação norte-americana vem trabalhando há tempos nessa questão e o resultado começa a aparecer. Onze cidades de Nova York proibiram que restaurantes utilizassem óleos hidrogenados em seus pratos. Mais tarde, um estudo feito nessas áreas mostrou que o número de pessoas que sofreram ataques cardíacos caiu 7,8%.

Anteriores

Filmes com cães para você se emocionar sem culpa

Próximas

Documentários da Netflix para entender importantes temas atuais

Renata Nóbrega

Renata Nóbrega

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *