Atualidades

Projeto social restaura brinquedos para crianças em Cabo Frio

O ano passou voando e falta pouco mais de um mês para o Natal. Época de celebrar a vida e principalmente de nos aproximar das pessoas e praticar o bem, ações que devem ser feitas durante todo o ano, mas que no período Natalino preenchem ainda mais nosso coração de bondade. Exemplo disso é o trabalho realizado pela professora Cláudia Cristina Oliveira, 42, moradora de Cabo Frio. Há 25 anos, a professora formada em Biologia, recicla brinquedos para doar a crianças carentes.

Desde 2006 o curso de Enfermagem da Universidade Veiga de Almeida em Cabo Frio abraçou o projeto e tornou a ideia uma extensão universitária. Com a iniciativa, atualmente os estudantes e voluntários conseguem produzir cerca de 30 a 40 kits novos de brinquedos. “Em 2014 atendemos 724 crianças.  Qualquer pessoa pode participar, é um trabalho voluntário, na universidade todos os cursos têm alunos que contribuem de alguma forma”, conta Cláudia Cristina.

Para o Natal desse ano, a meta é restaurar brinquedos para serem distribuídos a 800 crianças e adolescentes do bairro Maria Joaquina. A entrega será feita no dia 12 de dezembro, na Escola Municipal Justiniano de Souza. Ao todo mais de 6,7 mil crianças e adolescentes já foram contemplados pelo projeto, que visitou as localidades do Alecrim, em São Pedro da Aldeia, unidades hospitalares de Cabo Frio, e os bairros do Jacaré, Boca do Mato, Agrisa, Manoel Corrêa, Tangará, Unamar, entre outros.

Quem quiser se voluntariar ou doar algum brinquedo basta entrar em contato com a Oficina de Reciclagem de Brinquedos – no laboratório de Enfermagem da Universidade Veiga de Aldeia, de segunda a sexta-feira das 8h às 21h.

 

 

 

Artigo anterior

Rodoviários da empresa Montes Brancos anunciam greve por tempo indeterminado

Próximo Artigo:

Professores de Cabo Frio participam de sessão da Câmara e pedem soluções aos vereadores

Lorena Brites

Lorena Brites

Sou jornalista, pisciana assumida, apaixonada pela vida e principalmente pelas palavras!

Sem comentário

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *