Atualidades

Servidores de Cabo Frio voltam às ruas

Nesta quarta-feira (16) um novo ato foi realizado pelos profissionais da Educação e da área de saúde de Cabo Frio. As categorias se uniram para protestar contra o atraso salarial dos servidores, e reivindicam também o pagamento do 13º. As ruas do Centro da cidade foram fechadas pela manifestação, cerca de 300 pessoas participaram do protesto.

De acordo com o Sepe Lagos, sindicato representante dos profissionais da educação, foi emitido uma decisão judicial que determina todos os pagamentos no prazo de 72 horas. A medida foi tomada pela juíza Elisa Pinto da Luz Paes, da Comarca de São Pedro da Aldeia. A decisão começa a valer a partir de hoje, e caso não seja cumprida pelo prefeito Alair Corrêa, o município pode ser multado em R$100 mil por dia por cada funcionário. O valor da multa não poderá ser retirado dos cofres públicos e deverá ser pago pessoalmente pelo prefeito.

O Secretário de Comunicação de Cabo Frio, Edinho Ferrô, informou que a prefeitura ainda não foi notificada sobre o caso, mas se necessário, o município irá provar que não tem como efetuar os pagamentos por falta de verba. De acordo com o secretário, o município pretende quitar todas as dívidas até o dia 22 de dezembro.

Anteriores

Campanha de vacinação antirrábica começa nesta quinta-feira em Arraial

Próximas

Museu do Surf reabre em Cabo Frio

Lorena Brites

Lorena Brites

Sou jornalista, pisciana assumida, apaixonada pela vida e principalmente pelas palavras!

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *