Atualidades

Cresce o número de pessoas em situação de rua com a alta temporada de Rio das Ostras

Mesmo diante do alto índice de pessoas infectadas pela Covid-19 no Brasil e da Bandeira Vermelha decretada pela Administração Municipal, Rio das Ostras está com aumento de pessoas em situação de rua durante o verão, período considerado alta temporada na cidade por conta das belezas naturais, sol e praia. Índices estatísticos da Secretaria Municipal de Bem-Estar Social apontam que nesta época aumenta bastante o número deste público e em 2021 não está sendo diferente.

Somente na primeira semana de janeiro, entre os dias 4 e 8, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social – Creas atendeu 16 pessoas. No intuito de mapear e levantar o diagnóstico das pessoas em situação de rua, a equipe do Serviço Especializado em Abordagem Social da Prefeitura retomou suas atividades noturnas nesta última terça-feira, dia 12. Nesta ação, foram realizados 27 atendimentos, sendo 15 atendimentos novos.

O Serviço Especializado em Abordagem Social desenvolve ações com a população em situação de rua no intuito de apresentar a rede, os serviços ofertados no município, bem como a realização de encaminhamento para retirada de segunda via de documentação civil e contato com rede parental. O objetivo deste serviço é de construir um vínculo com esse público e trazê-lo para o atendimento particularizado no Creas, visando a superação das violações de direitos, como também sua saída das ruas. A equipe é composta por assistentes sociais e orientadores sociais, e conta ainda com apoio do GOE – Grupamento de Operações Especiais.

O Creas também realiza inscrição das pessoas em situação rua no CadÚnico para concessão do Bolsa Família, assim como auxilia o usuário nas questões relacionadas a benefícios previdenciários junto ao INSS. Realiza ainda encaminhamentos a rede de Saúde e demais políticas públicas que fazem necessárias.

Quando há interesse do usuário por abrigo, as pessoas em situação de rua são encaminhadas para o Dormitório Casa do Sorriso, que hoje, devido à pandemia teve seu número de vagas reduzido para evitar aglomeração, passou a atender um total de 25 pessoas. Lá são oferecidos banhos quentes, camas individuais com lençóis e cobertas limpas, além de duas refeições diárias, café da manhã e jantar.

“Desde o início da pandemia focamos nosso trabalho neste público, intensificamos as abordagens para garantir o acesso a informação e as devidas orientações referentes à Covid-19. Neste período de alta temporada, o número de pessoas em situação de rua aumenta muito e precisamos prestar a devida atenção e orientação, principalmente por conta da pandemia”, disse Giselly Leão, diretora do CREAS.

Os serviços do CREAS são ofertados de segunda-feira a sexta-feira, em horário reduzido devido ao novo decreto referente à pandemia, das 9h às 16h. O atendimento é na Rua Araguaia, nº 150, Balneário Remanso. Mais informações pelo telefone (22) 2771-6409.

Anteriores

Confira o Calendário de Recolhimento de Tributos em São Pedro da Aldeia

Próximas

Araruama terá ação de IPTU Itinerante

Christopher Lima

Christopher Lima

Sou formado em Comunicação Social (Jornalismo). Quem quiser saber mais, basta clicar no link do fb.

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *